Search

O pós-pandemia, a Sustentabilidade e a Geração Z

Updated: Feb 14

Não foi durante a pandemia que a Sustentabilidade (em particular, o eixo ambiental) entrou no zeitgeist. No entanto, com a pandemia, a questão da Sustentabilidade tornou-se ainda mais determinante – em particular para a Geração Z.


Numa altura em que tanto se fala no “novo normal” associado a um momento pós pandémico, alguns atrevem-se a considerar que o novo normal... é mesmo salvar o planeta.

De acordo com um estudo recente, a grande maioria dos membros da Geração Z prefere comprar marcas sustentáveis, estando disponíveis a gastar mais 10% em produtos sustentáveis. O mesmo estudo concluiu ainda que a Geração Z, juntamente com os Millennials, são as gerações cujas decisões de compra mais prováveis são feitas com base em valores e princípios (pessoais, sociais e ambientais).

Exemplos de um mercado cada vez mais focado nas questões ligadas à Sustentabilidade, e onde o esforço coletivo das marcas é apreciado: a Allbirds e a Adidas, marcas concorrentes, colaboraram na criação de um sapato de desempenho desportivo com a menor pegada de carbono de sempre.

Outro exemplo: a Walmart, que estabeleceu uma parceria com a ThredUp, uma loja online de segunda mão, para vender roupas usadas de griffes como Anne Klein e Tommy Hilfiger, e assim evitar o desperdício.

No entanto, a questão da Sustentabilidade não se esgota no eixo ambiental: num estudo da Deloitte,

75% dos inquiridos da Geração Z afirmaram querer ver que as marcas estavam, realmente, a garantir a segurança dos trabalhadores e dos consumidores”. A conclusão deste estudo: "se [as marcas] não forem autênticas, esta geração será a primeira a levantar uma bandeira vermelha", a denunciar e a partilhar essa denuncia.


Ou seja, é necessário ir para além das aparências: para os Zoomers, as marcas que mostram de forma simples e direta de onde são os seus ingredientes, ou aquelas que publicam informações claras sobre o sourcing, o fabrico e o impacto ambiental direto dos seus produtos, são as marcas que eles estarão mais dispostos a apoiar.

Nesse mesmo estudo da Deloitte, as alterações climáticas e a proteção do ambiente foram a preocupação nº 1 da Geração Z, seguida de perto pelo desemprego e acesso a cuidados de saúde/ prevenção da doença.

De reparar que, já no ano de 2020, um número relevante de Millennials e dos Zoomers em todo o mundo afirmaram que as suas decisões de compra foram influenciadas pelo impacto de certas empresas no ambiente.

A questão da Sustentabilidade resume-se para esta Geração, em não pequena parte, em usar menos e ser mais intencional com as suas compras - um bom hábito tanto para as suas finanças (que tendem a não ser famosas), como para o planeta.
9 views0 comments

Recent Posts

See All